Início >RH Estratégico >PDI: saiba o que é e como implantar no RH da empresa!

PDI: saiba o que é e como implantar no RH da empresa!

O PDI é uma das formas de dizer aos colaboradores o quanto eles são importantes e que a empresa se preocupa com o seu crescimento. Investir no desenvolvimento das habilidades e competências pode aumentar o engajamento e a motivação de um time.

Com um programa bem definido, tanto os colaboradores ativos, quanto os candidatos nos processos seletivos conseguem enxergar as perspectivas de crescimento. Portanto, essa é uma estratégia que pode tornar as equipes mais produtivas e gerar melhores resultados para o negócio.

Neste post trazemos o conceito de PDI, seu principal objetivo, além da importância que ele tem para a empresa. Continue lendo e veja como o programa é estruturado para garantir maior sucesso no desenvolvimento profissional dos talentos!

O que é o PDI e qual o seu objetivo?

O Plano de Desenvolvimento Individual é uma ferramenta usada pela gestão de pessoas no desenvolvimento de habilidades e competências de cada talento da empresa. Com ele é mais fácil visualizar as necessidades e prioridades se tratando do aprimoramento para ajudar a melhorar o desempenho das equipes.

Ao passo que favorece a empresa tornando os colaboradores mais capacitados, permite à cada profissional definir objetivos e metas para a carreira. Com isso, as perspectivas de crescimento são mais amplas e fáceis de serem visualizadas.

O PDI pode ser usado tanto como estratégia de retenção, quanto de atração de talentos. Saber que a empresa possui um planejamento estruturado de desenvolvimento, tende a aumentar a motivação dos colaboradores e ser um fator decisivo para um candidato aceitar a vaga de emprego.

Por que o PDI é tão importante para a empresa?

O Programa de Desenvolvimento Individual vai além do uso de um instrumento de preparação e capacitação da força de trabalho. Ao investir no desenvolvimento, o nível motivacional dos talentos tende a se elevar, natural e gradativamente.

Para a empresa, esse é o ponto alto do relacionamento com os colaboradores que, sentindo-se valorizados, se dedicam ao aprendizado e, por consequência, ao trabalho. Um ambiente com clima organizacional saudável é aquele em que existe uma troca positiva de interesses, trazendo vantagens para todos os envolvidos.

O PDI é uma estratégia que pode ser usada de forma contínua, sem prazo ou duração determinados. Entretanto, ao focar em profissionais, equipes ou setores que demandam atualização ou desenvolvimento, as chances de êxito são maiores.

Nos processos seletivos, o PDI é um forte aliado para ajudar o time de recrutadores do RH a identificar as potencialidades dos candidatos. Durante as etapas de entrevistas e testes, a reação à possibilidade de se desenvolver e crescer nas carreira aponta para profissionais em maior sintonia com as propostas da empresa.

Como o programa é estruturado?

O Programa de Desenvolvimento Individual está sustentado em quatro pilares essenciais de direcionamento:

  • alinhamento – avaliação do cenário atual comparado ao que é desejado no desempenho profissional dos colaboradores e candidatos;
  •  mapeamento – identificação das hard skills e soft skills mais desejadas, além dos pontos de maior ou menor atenção, de acordo com as características e especificidades dos cargos ou funções na empresa;
  • estratégia – planejamento da aplicação e inserção do PDI, tanto na rotina dos colaboradores, quanto nos processos seletivos;
  • acompanhamento – em conjunto com os profissionais participantes, é fundamental que a empresa acompanhe a evolução e os resultados, contando para isso com a atuação efetiva do RH.

Essa organização é fundamental para a construção de um PDI consistente e melhor aplicação em toda a empresa. Ainda seguindo a preparação do Programa de Desenvolvimento Individual, a estruturação consiste em:

  • definição dos objetivos — é crucial ter propósitos bem definidos ou o programa pode se perder ao longo do tempo. Ao mesmo tempo é importante saber se a empresa tem algo diferenciado a oferecer aos talentos e se os colaboradores estão aptos a iniciar um processo contínuo de desenvolvimento;
  • levantamento das necessidades de cada colaborador — a aplicação prévia de uma avaliação de desempenho ajuda no mapeamento individual das habilidades e competências necessárias;
  • escolha das ferramentas que serão utilizadas — das ferramentas de gestão, aos recursos tecnológicos como sistemas automatizados, a escolha dos instrumentos de aplicação do PDI é determinante para melhores resultados.

Com as soluções adequadas, não apenas a implantação do programa, como as várias outras funções de um RH estratégico ganham uma estrutura otimizada e de fácil gerenciamento.

A Intelligenza pode ajudar nesse sentido, fornecendo diversas ferramentas que, juntas ou separadas, servem para impulsionar o desenvolvimento dos colaboradores por meio do PDI e tornar a empresa ainda mais competitiva.

Se você gostou do post e deseja ter talentos de alta performance na sua empresa, entre no site para conhecer nossas soluções e como a equipe especializada da Intelligenza pode ajudar nesse desafio!

2022-02-07T17:30:22-03:00

Share This Story, Choose Your Platform!

Sobre o Autor:

Com mais de 17 anos de experiência no mercado de TI, formado em Ciência da Computação. Estudante de Filosofia e Psicanálise. Empreendedor, apaixonado por pessoas e inovação. Diretor para Negócios Cloud e Inovação na INTELLIGENZA.