Início >Geral >Macrovisão do mercado HXM

Macrovisão do mercado HXM

Macrovisão do mercado HXM Tech: Entenda os principais pontos antes de implementar na sua empresa

Antes, o foco das empresas era nos processos. Hoje em dia, além de focarem nos processos, as organizações com mindset inovador tendem a focar mais nas pessoas. Essa concepção de valorizar a Gestão da Experiência Humana é o que defende a ideia de HXM.

O conceito HXM (Human Experience Management) posiciona as pessoas no centro e remodela o RH moderno. Assim, a organização fornece ferramentas para otimizar elementos como:

  • experiências;
  • cultura de inovação;
  • relacionamento e bem-estar entre empresa e colaboradores.

Abaixo, vamos conhecer a macrovisão do mercado HXM tech, um conhecimento imprescindível para quem deseja implementar o Human Experience Management.

Este texto se baseia na palestra do HR Tech Experience, realizada por Flávio Legieri, cofundador e CEO da Intelligenza.

Qual a importância da transformação digital nas empresas?

A transformação digital, na ótica da G

estão de Experiência Humana, ajuda empresas e colaboradores a crescerem juntos digitalmente. Além de alinhar as pessoas em cada etapa da transformação digital, essa ótica também:

  • otimiza a geração de insights e trabalhos colaborativos;
  • prepara o capital humano para operar as novas tecnologias;
  • desenvolve uma inovadora cultura interna e mentalidade digital;
  • torna os colaboradores treinados e cientes dos impactos tecnológicos;
  • contribui para aprimorar as tomadas de decisões em processos operacionais.

Além disso, ela trabalha em metodologias ágeis para reduzir os processos operacionais e melhorar a qualidade produtiva. A partir disso, a implementação de HXM conta com três grandes pilares. Continue lendo para saber mais!

Os 3 principais segredos para HXM com efetividade

Com a prática HXM as empresas cons

eguem uma redução de 41% no absenteísmo. Este dado está na pesquisa Gallup. Contudo, para chegarmos a resultados expressivos, há 3 pilares que exigem alta performance e engajamento. A seguir, explicamos cada um deles.

1 — Pessoas

Acima de tudo, precisamos aval

iar para saber se temos a quantidade de pessoas necessárias para uma transformação digital.

Além disso, devemos prestar atenção na diversidade. Afinal, os múltiplos pensamentos são essenciais para originar novas visões que impulsionam

 o crescimento no mercado.

Um negócio com culturas diversificadas tem facilidade para descobrir novos talentos que são ativos preciosos a níveis mercadológicos.

Por exemplo, dados da BRASSCON mostram que, de 2021 a 2025, existe uma estimativa de demanda por 797 mil de novos talentos. Isso ao considerar apenas o setor tecnológico do mercado nacional.

Sobretudo, para implementar novas tecnologias, os humanos necessitam das condições adequadas em:

  • atitudes;
  • habilidades;
  • conhecimentos.

Qual o papel do RH na transformação digital em relação às pessoas?

Inicialmente, o RH ágil se empenha em c

onstruir uma cultura de aprendizado. Para isso, é necessário ir além de treinamentos anuais e garantir que aconteçam de forma constante.

Frequentemente, a corporaçã

o tem de desenvolver programas internos e externos de alta qualidade. Esse investimento requer um olhar em medidas de formação digital que contemplam atitudes, conhecimentos ou habilidades.

Convém ainda ressaltar como é fundamental que os gestores caminhem juntos. Por exemplo, o diretor de Recursos Humanos (CHRO), em harmon

ia com o líder de tecnologia (CIO), assegura um papel estratégico aliado ao negócio. Com efeito, emerge uma confiável “digitalização humana” do empreendimento.

2 — Processos

Para entender melhor os processos do RH ágil de HXM vamos comparar com o modelo tradicional nos aspectos abaixo:

Recrutamento

O RH antigo só recruta quando acha necessário e busca avaliar as competências dos candidatos. Para contratar, a prática foca em anúncios padronizados, processos complexos e etapas fixas.

Por outro lado, o RH novo sempre está atento para contratar talentos. As contratações buscam avaliar fit cultural e valores em simples processos seletivos que são muito flexíveis. As redes sociais ajudam diretamente nos anúncios.

Aprendizagem e desenvolvimento

Tradicionalmente, a empresa reserva só alguns dias do ano para o aprendizado individual de cada contribuidor. Já o HXM Tech estimula a aprendizagem em algumas datas no mês de forma colaborativa, muitas vezes com experimentações.

Avaliação de performance

Quando falamos em RH tradicional, há ranking forçado para avaliações e classificações. As análises são anuais com base em metas sem transparência. O gestor reconhece um ou outro colaborador e lança planos de carreira individual.

Em contrapartida, o RH ágil não apresenta ranking. Há um processo contínuo de coaching e feedback, com metas mensais. A regularidade das reuniões de check-in é destaque, assim como a contínua avaliação de líderes, gestores, entre outros cargos.

Praticamente todo mundo

 se avalia com foco em crescimento, e há planos de carreira para todas as pessoas da empresa inovadora.

Remuneração e recompensa

Os salários são os principais motivadores do modelo antigo. Gestores não fornecem muitos dados. Muitas vezes há recompensas grandes, privadas, individuais e baseadas em resultados. Até a remuneração e os bônus são secretos.

Todavia, no HXM o salário é transparente e há com

partilhamento do lucro. As recomp

ensas são pequenas, embora constantes. As congratulações também consideram os padrões de comportamentos.

Liderança

No RH tradicional, a comunicação com líderes é mais horizontal, formal, secreta, centrada e controlada. No RH ágil os processos comunicativos são motivacionais, livres, colaborativos, verticais e explicativos.

Qual a finalidade do RH na transformação digital quanto aos processos?

Aqui, o RH adota um modelo moderno que inclui a prática de sempre entregar valor. Outras tarefas são valorizar a segurança como pré-requisito e estimular o rápido aprendizado.

3 — Tecnologia

O RH deve estar sempre familiarizado com as tendências das tecnologias exponenciais como:

  • AI;
  • AR;
  • MR;
  • VR;
  • IoT;
  • Cloud;
  • Robots;
  • HRTech;
  • Gadgets;
  • Chatbots;
  • SAP Tech;
  • Big Data;
  • Wearables;
  • Blockchain;
  • 3D printing;
  • Quantum Tech;
  • Biotech & Gene-engineering.

Qual o papel do RH na transformação digital corporativa?

É ser audaz na implantação de RH ágil que abrange uma especial atenção às pessoas e aos processos que envolvem tecnologias avançadas.

A performance HXM é otimizada ao contratar Intelligenza. Visite o site desta empresa expert em transformação digital nas organizações.

Copies para redes sociais

  • Pessoas, processos e tecnologias formam os 3 pilares que exigem atenção ao alto desempenho nos resultados do investimento em HXM. Entenda mais neste artigo!
  • Quer melhorar os resultados da sua empresa? Saiba como o HXM Tech pode te ajudar!
  • Investir em HXM pode te ajudar a melhorar a experiência da equipe na sua empresa. Confira neste artigo seus pilares e como implementar!

              Faça download do E-book Gratuito e entenda melhor o conteúdo 

2023-01-05T14:18:18-03:00

Share This Story, Choose Your Platform!

Sobre o Autor: